1 de maio de 2018

Apoio para sofá – Móveis com cabides

Em DIY

Bora pra mais um tutorial com cabide? Coisa simples, fácil, rápida e claro, econômica, do jeito que a gente gosta. Sem contar que é bem útil mesmo e o meu não sai do sofá do meu petit estúdio criativo aqui na Bahia <3 Se você tá chegando agora volta alguns posts pra ver a sequência de outros móveis com cabides que tenho criado por meio do que aprendo com o design de fonte aberta, o “open source” de design francês. Nos outros posts explico sobre isso e a cada móvel, detalhes específicos de acabamento e de introdução à marcenaria.

Dessa vez te trago um apoio de sofá, peça que é de grande serventia pra mim. É que todo dia, na hora da pausa do trabalho na minha sala, saio do computador, desligo celular, sento ou me esparramo no meu sofá rosa retrô pra ler coisas que gosto tomando um chá ou um cappuccino cheio de Lactosil 🙁  Aí era arrastando mesinha pra lá, colocando xícara pra cá e mesmo assim ainda não sentia confortável pra fazer isso enquanto descansava. Aí fiz esse apoio com medidas específicas pra o meu sofá, o que quebrou o maior galho. Simbora!

Usei mais uma vez sobras de madeira compensado de 15mm, dois cabides e parafusos de 3,5 cm. O pedaço de madeira fica com aproximadamente 26 cm de comprimento pra esse projeto, o que equivale a quase a lateral do cabide. Já a largura vai variar de sofá pra sofá. No meu, a largura do pedaço de madeira ficou com 14cm, pois os braços do meu sofá é mais fino mesmo.

 

Pra não correr o risco de ter tinta em contato direto com o sofá que é clarinho, pintei apenas um lado dos cabides. Pra isso, isolei com fita crepe todo o resto dele que não receberia a tinta em spray na cor roxa.

Lembra sempre da dica de lixa bem os cabides antes de pintar, tá bom? (Vai nos outros posts que tem esses e outros detalhes) Depois de secos, instalei os parafusos da lateral esquerda do cabide e assim, fixando a madeira. Já no outro lado fixei a lateral direita do cabide. E só, gente! Muito, muito fácil!

Olha a peça pronta? Ótima, não?

E no caso do meu sofá (que encomendei ao meu estofador parceiro) o apoio serviu tanto no braço quanto no encosto. Nesse último ficou mais apertadinho, mas que bom, assim tenho ainda mais estabilidade. E no braço ficou assim:

Adorei também!

Pronto, tô super satisfeita <3 E meu apoio não sai mais do sofá. Se fizer, me mostra? Me marca, dá os créditos, me deixe saber, vou adorar! Assim como gosto de bater papo aqui nos comentários. Um beijo e até semana que vem!