7 de setembro de 2018

Como fiz uma mesinha de apoio

em Feito à mão

Percebeu que gosto de mesas, mesinhas, mesões, né? 😀 Mas essa nem é aqui pra nossa nova casa. Fiz há um tempo, ainda quando a gente morava no apê pra compor um pequeno cenário de uma leitura encenada que marido ia fazer. No teatro de arena, os móveis pequenos iam compor melhor pra cena curta. Daí peguei sobras de compensado de 15mm que tinha, cortei com serra tico-tico como sempre corto e fiz essa Mesa Compasso vinda mais uma vez do Pierre Lota e seu design fonte aberta nos posts com móveis de cabide, dá uma olhada. Já falei do Pierre aqui várias vezes, afinal é um dos meus designers preferidos e por ele abrir seus processos com a gente, aproveito pra estudar e praticar a marcenaria. Os projetos fonte aberta ou “open source” como os de Pierre são pra reprodução e não comercialização. Nem preciso dizer que falta de honestidade seria fazer e vender como se fosse criação própria, né?

Quando fiz a mesinha, não tirei foto das etapas, queria aprender com tranquilidade, mas agora criei o plano de corte de montagem que é mesmo muito simples. Depois de cortar tudo com uma máquina portátil como a serra tico-tico, lixar de leve com a lixadeira orbital, já que o compensado é um tipo de madeira transformada bem lisinha e que desfia muito, separei as partes para a montagem. Olha aí:

Um pedaço de 40cm x 40cm 

Dois pedaços de 14cm de largura superior x 8,5cm de largura inferior po 10cm de altura

Dois pedaços de 5cm x 36,5cm

Quatro pedaços de 6,5cm x 49cm e base com 2cm. Essas duas peças serão as pernas e precisam de inclinação, pra fazer isso diminuí 2,7cm de um dos comprimentos. Então um lado fica 49cm e o outro com aproximadamente 47cm.

Como o programa arrendondou a medida, ficou 47cm, mas é menos. E claro, dá pra gente ir alterando as medidas conforme o nosso uso. Por exemplo, coloquei as bases da pernas com 2cm, mas originalmente no projeto é de 1cm.

Primeiro construí as pernas, as laterais. Peguei um trapézio, dispus as pernas por cima, dessa forma e parafusei por um lado só. É que não queria parafuso aparecendo do lado de fora da mesa, então, escolhi um tamanho adequado pra fixar duas larguras de 15mm do compensado sem sair do outro lado. Fiz isso com os dois trapézios e as quatros pernas.

Com um trapézio já montado, preguei com parafuso por fora, o outro pedaço. Ele vai conectar uma lateral à outra e também dá estabilidade à mesinha.

Fixei o outro lado depois.

Pronto, a estrutura da mesinha está pronta. Fááááácil demais, né? Depois disso é só parafusar o tampo. Eu instalei os parafusos e depois coloquei cavilhas, pois queria um tampo liso.

Pintei rapidamente com tinta em spray (esmalte sintético) e só!

Apliquei seladora base água onde não levou tinta pra proteger toda a peça. Tudo isso (aplicação de cavilha, selar móveis tem aqui nos últimos posts do blog, tá bom?) Olha os parafusos por baixo…

E pronto. Dá pra gente fazer em outros tipo de madeira e a depender da largura, o tampo precisa ser juntado ou com cavilha ou da forma que fiz a mesa balcão da cozinha. Que mesinha fácil, útil e linda, né? Sem contar que veio da generosidade e criatividade de um cara massa. Taí, quem fizer, me mostra, dá créditos e qualquer dúvida, me escreve! <3 Beijo, gente, até já!