1 de julho de 2015

Muy me encanta, Madrid!

Em Roda, menina!

Já falei e te digo de novo, porque quando gosto eu sou repetitiva: moraria em Madrid. Por um tempo, confesso, não ia aguentar as glórias dadas às touradas. É a capital da Espanha, maior cidade do país. Mas achei o clima menos agitado que Barcelona, as pessoas, os preços e a comida, sem dúvida a minha preferida, me atraíram muito. Oooonde que encontrei até agora, uma “demi pinte” ou meio chopp por 0.90 de Eurrô? 😀 A comida segue a linha que gosto, peixes e frutos do mar, tudo sempre carregado com molhos cítricos, cheios de tomate e cebola…ain, babei no teclafjehfkjfkj. Já limpei. Então, por isso, a primeira foto que compartilho é dessa belezura aqui, um prato de Pinxto diretamente do Mercado de San Miguel. Plisss, gente de Deus, quem for à Madrid precisa passar por lá!

19

Pinxto são essas fatias de pães com coberturas diferentes e fazem parte das tradicionais Tapas, refeições formadas por pequenos pratos. Além de comer no mercado, provamos Tapas ótimas no restaurante na Plaza Santa Ana, o ” Las 10 Tapas de Santa Ana”, incrível de bom e ainda tem o melhooooorr Mojito que tomei na vida. Êê diaxo! Além da comida preferida, Madrid é colorida, quente nos dois sentidos. E pra vivê-la melhor, escolhemos bater perna. Ficamos no Paseo del Prado, avenida da parte sul da cidade, em frente ao Museu do Prado muito bem localizados. Saímos na canela, passando por vários lugares, dentre eles, a Plaza Mayor. Há restaurantes e lojinhas ao redor dela e atrás, mais praças e outras ruazinhas charmosas por onde fomos entrando e nos perdendo. Uma delícia!

21

9Madrid tem muita cor e nem preciso falar como adoro isso. Cores quentes pelos prédios. Um roxo ao lado de outro amarelo e árvores bem verdinhas em frente. Impossível não se encantar com os contrastes. A arte, nem preciso falar muito, aliás, preciso, fico nessa de “que não preciso falar” só pra ser dramaqueen, mas ô criatura que gosta de uma prosa. Eu. Então, a arte está por todos os lugares! Olha o alto relevo da porta da Catedral de la Almuneda. De ficar babando..

16E as propostas que me fascinam? A fachada desta escola de arte na calle del Leon que o diga. Toda feita com Cd’s velhos.

11

Cor e arte manual? Temos! Olha a Violeteira toda hermosa…

13

Ah, as estátuas em Madrid são umas surpresas gostosas. Sempre homenageando alguém, claro. Quando menos esperamos, topamos com uma!

18

E falando em artes manuais, minha cheinte, eu com esse tamanho de zói que Deus me deu, botei logo a butuca nestas lojinhas e uma do centro, me chamou a atenção por reunir muita, mas muiiiiita coisa de que a gente gosta. São inúmeros materiais e ferramentas. Inúmeros! E com preços bem melhores que o de Paris. O que não é muito difícil, porque a danada da capital francesa é fueeda pro bolso. Aí tá, é a Chopo, fica no centro, na Plaza del Angel, nº 15. A foto ruim foi pelo celular, nhé :/

1

Os parques, praças e largos são fantásticos. Passamos pelo Museu del Prado, Jardim Botânico (Com a expo do baiano Mário Cravo Neto, ebaa!) Praça des Cibeles, Templo de Debot, e por vários outros lugares. A minha dupla é a melhor companhia pra viagem, sem dúvida <3 Marido é divertido, disposto, gosta de bater perna e descobrir o tempo todo, não tem medo de se perder, é ágil, o que faz a viagem render mesmo que tenhamos 5 dias. Chegamos ao Parque del Retiro pra contemplar e descansar um pouco depois de muito sol no lombo. O parque é lindo, com árvores podadas em bolinhas! E aqui também há uma única espécie e mais antiga árvore da cidade, a Ahuehuet, um senhora milenar. Uma das partes mais lindas fica atrás e você pode ver mais fotos dessa viagem pelo meu Instagram, se quiser, blz?

12

10Painho tem uma mania de dar cor às cidades por onde ele passa, sabe… E eu tinha essa hábito e guardava pra mim, sem saber que o velho Mota o tinha <3 A de Madrid foi escolhida rapidamente: vermelho-ocre. Só pra constar, a cor preferida de marido.

20

Ah, e quando tá quentinho, quem sai pra passear? Os bbs!!

22

Quando eu li que o céu de Madrid era um espetáculo, dei de ombros. Achei a maior viagem…ora, o céu é o mesmo, não? Paguei minha língua. O céu de Madrid realmente é mágico. Filtro? Qué qué esso?

17

15Mais um passo neste espaço pra guardar na memória e no coração. Me sinto mesmo agraciada com a chance de conhecer lugares que sempre quis. E quando a coisa muda e você realiza, você muda também. Um beijo, gentes!

14